Categorias:

Saiba como implementar o mobile no comercial da sua empresa

Imagem do avatar de
Publicado por Epuc Blog

Provavelmente, você já ouviu falar no termo e-commerce, processo que lida com as vendas de produtos e serviços no ambiente digital. Mas, quando falamos da área comercial de sua empresa, é importante conhecer também o termo mobile commerce, ou m-commerce.

Na prática, esse tipo de modalidade é voltada para o comércio e transações que ocorrem por meio de equipamentos eletrônicos móveis, como é o caso do smartphone e de tablets com conexão com a internet. 

Isso pode ocorrer por meio do site de uma empresa desenvolvido para diferentes telas, assim como a partir de um link das redes sociais, direcionando para uma página de vendas. 

Para as empresas que trabalham com o ambiente digital, é fundamental compreender o que esse termo representa e a importância para o crescimento do seu negócio. Prossiga a leitura deste artigo para conhecer sobre o mobile commerce.

O  que é m-commerce?

Atualmente, não é incomum que empresas de manutenção de elevadores, assim como de diversos outros segmentos, investam no ambiente de e-commerce. 

No entanto, é importante saber que cada vez mais as transações comerciais ocorrem por meio de aparelhos eletrônicos com conexão à internet. 

Essas movimentações podem ocorrer por meio de aplicativos da empresa, em páginas da internet acessadas pelo celular ou até mesmo por meio das redes sociais, devido a facilidade de acesso.

Essa tendência surge a partir de um novo comportamento e ação dos clientes, visto que os dispositivos móveis estão mais próximos dos usuários e permitem acessar cada vez mais plataformas de compra.

Nesse cenário não é mais necessário que o cliente vá até uma loja física ou espere até chegar em casa para acessar o site de um desktop, afinal, as compras podem ocorrer também pelos celulares e notebooks.

Com isso, o cenário do comércio mobile surge a partir de um desenvolvimento do cliente e da sua forma de consumir produtos pela internet, seja em uma loja de bike, de remédios, sapatos ou roupas, por exemplo. 

Mais a fundo no comércio mobile

Para realizar uma compra a partir do dispositivo móvel, é importante conhecer os formatos que esse modelo de negócio é disponibilizado.

De modo geral, a forma mais simples de consumir online é pelo navegador, ou seja, o cliente acessa o site da loja pelo navegador e pode verificar elementos que são do seu interesse para fazer a compra. 

A segunda forma se dá por meio do uso de aplicativos. 

Nesse caso o potencial cliente pode baixar um aplicativo sobre decoração apartamento e buscar produtos e informações que ajudarão na tomada de decisão, inclusive visualizando como os itens podem ficar em sua casa a partir da tecnologia ou outras ferramentas que o app pode disponibilizar, conforme a necessidade do público.

Cada vez mais, as empresas estão desenvolvendo aplicativos para promover seu negócio, assim como para facilitar o dia a dia do cliente no momento de fazer compras, afinal, isso permite criar uma experiência única e é um ambiente que depende apenas da marca para trazer resultados. 

Outra possibilidade de compra se dá por meio das redes sociais, como é o caso do Instagram e do Facebook.

É fato que as redes sociais vêm sendo utilizadas pelas empresas para divulgar sua marca, mas também como uma loja de seus produtos e serviços, sendo um canal muito importante para alcançar os potenciais clientes de forma facilitada.

Esse processo pode ser favorecido por meio de chatbot, que é um robô virtual que envia mensagem ao cliente, assim como a partir de conteúdo de valor para as redes sociais. 

Com isso, as plataformas não só facilitam o contato, como possibilitam que compras e ações de marketing sejam projetadas para os dispositivos móveis, otimizando as vendas nesse ambiente.

Por que sua empresa deve investir no comércio para o celular?

Mas, afinal, por que sua empresa de controle tecnológico de concreto, ou qualquer que seja o segmento de atuação, deve investir no comércio para celular? 

Listamos alguns motivos a seguir:

  • Crescimento das vendas pelo celular;
  • Possibilidade de aproximação com o consumidor;
  • Uso cada vez mais frequente do celular;
  • Facilidade de adaptação a diversos cenários;
  • Diferencial competitivo;
  • Alto volume de buscas no Google a partir do celular.

Pandemia e aumento de vendas online

É fato que o smartphone já se tornou um aparato muito importante no cotidiano e que permite que a vendas de produtos e serviços ocorra de forma facilitada para todos os envolvidos nas transações comerciais.

As pessoas estão cada vez mais comprando online, e esse cenário foi ampliado ainda mais após o isolamento social provocado pela pandemia do Covid-19.

Por isso, investir no comércio online para celular é uma forma da sua empresa, seja ela de serviços de contabilidade preços ou de venda de artigos para festa, se adaptar ao mercado. 

Proximidade com o público

É válido lembrar que os smartphones fazem parte da vida das pessoas, pois elas utilizam no seu trabalho, em casa, indo para o trabalho, dentre outros espaços de forma contínua;

Dessa forma, investir em conteúdo para celular também é uma forma muito interessante da sua empresa chegar até o cliente. 

Além disso, as pessoas estão consumindo conteúdos por meio de aplicativos e redes sociais, espaços interessantes para o relacionamento e a venda de itens a partir desses dispositivos.

Isso quer dizer que as próximas gerações irão utilizar ainda mais essas ferramentas, e até mesmo desenvolver diversas formas de contato e consumo a partir delas, demandando posicionamento rápido das marcas nessas plataformas.

Para que isso seja possível, é crucial conhecer o público-alvo e as necessidades, bem como lembrar que muitos deles fazem parte de uma geração mais jovem, que está se inserindo no contexto de consumo.

Por isso, é muito importante que ao vender ou divulgar seu hospital veterinário emergência a partir de dispositivos móveis online, a mensagem e o material sejam adaptados para a linguagem e as demandas do público-alvo.

Mecanismos de pesquisa

Outro ponto que merece destaque é o fato de que as pessoas estão buscando mais informações em buscadores como o Google em celulares, descobrindo mais sobre produtos e serviços a partir dessas ferramentas e suas especificidades.

O Google é a principal ferramenta de buscas da internet. Isso quer dizer que quando as pessoas desejam saber mais informações sobre a abertura de empresa Simples Nacional, ou qualquer outro tema, elas recorrem a esse buscador, seja com pesquisas em texto ou voz. 

Diante disso, sua empresa precisa estar nos primeiros espaços do ranking para essas buscas, assim como contar com a responsividade como uma característica, visto que é um aspecto valioso para o buscador e para proporcionar uma boa experiência aos potenciais clientes que acessam a partir de dispositivos móveis.

Essa característica implica em uma adaptação do seu site e layout a diferentes telas, ou seja, seu site funciona corretamente se exibido no computador, mas também, e sobretudo, com a exibição no celular. 

Adapte sua loja para os celulares

A partir do que já ressaltamos neste artigo, vale a pena saber como é possível adaptar sua loja para vendas por meio dos celulares. 

Dessa forma, separamos algumas dicas úteis nessa fase de adaptação para sua empresa de monitor de tensão. Para saber quais são essas dicas, prossiga a leitura.

Estabeleça um fluxo de vendas mais simples

Lembre-se do seguinte detalhe: se o cliente realiza uma compra pelo seu smartphone, é porque ele deseja mobilidade e facilidade.

Isso significa que o seu fluxo de vendas precisa ser rápido e seguro. O cliente não quer esperar para poder comprar, muito menos enfrentar “filas”, ainda que virtuais, e processos complexos e demorados. 

Para manter a atenção dos potenciais clientes, o fluxo de vendas precisa ser simples e rápido. Além disso, sua empresa deve contar com mensagens objetivas e curtas, além de uma linguagem que seja acessível ao cliente, inclusive no check-out, que precisa ser simplificado.

Personalize seu conteúdo 

Você precisa conhecer seu público-alvo, assim como seus gostos, interesses e preferências. 

Diante disso, é muito importante personalizar a experiência do seu usuário considerando esses hábitos e gostos, a partir do conhecimento traçado sobre o perfil. 

Isso ajuda, inclusive, no envio de ofertas e de mensagens que serão de fato interessantes para o seu cliente.

Isso representa dizer que o conteúdo oferecido para o seu cliente realmente precisa chamar sua atenção, pois isso contribui para que o processo de venda ocorra de forma ágil e qualificada no próprio celular, após o envio de uma mensagem de atração, por exemplo. 

Alinhe as estratégias do m-commerce aos canais de comunicação 

O mobile commerce não deve substituir os outros canais de comunicação e de vendas que sua empresa tem. 

Por isso, é importante que ele seja utilizado de  modo a complementar a experiência positiva do usuário. 

Isso significa que deve ocorrer um alinhamento e integração entre as estratégias das vendas em dispositivos com com os outros canais da sua empresa. 

Ou seja, se você disponibiliza uma compra online por um site, seja no celular ou computador, ao entrar em contato com o call center, ele deve ter esse acesso à informação. 

O mesmo vale se o cliente for retirar o produto em uma loja física. Os canais precisam estar integrados para que a experiência seja ainda mais agradável e memorável.

Um dos elementos importantes para isso é o treinamento dos colaboradores da sua empresa, pois eles fazem parte do monitoramento dos canais integrados do negócio, bem como o desenvolvimento de um sistema omnichannel.

Lembre-se de que os dispositivos móveis possuem limitações

Cada vez mais, os dispositivos móveis estão evoluindo e estão mais presentes no cotidiano. Apesar disso, eles ainda possuem limitações. 

Por isso, é importante que a empresa conheça quais são essas limitações e busque adaptar seu conteúdo para que o cliente tenha a melhor experiência com esses dispositivos.

Dentre alguns aspectos que demandam atenção está sua principal característica: as telas menores que os celulares apresentam. Assim, a devida adequação do layout é fundamental.

Além disso, muitas vezes, existe um acesso limitado à internet, o que demanda páginas mais rápidas, com carregamento qualificado e poucas informações, que não pesem demais ou que demandem alto volume de conexão, ampliando as oportunidades de navegação e vendas.

Diante disso, lembre-se de criar plataformas responsivas, ou seja, adaptadas a diferentes telas e sistemas operacionais de forma leve e objetiva.

Além disso, seu site ou aplicativo não pode contar com arquivos grandes ou pesados, assim como não deve ser difícil de carregar, pois isso acaba repelindo o cliente. 

Esses elementos também são formas de se comunicar com o cliente, e dizem muito sobre a imagem e a credibilidade que sua empresa deseja ter.

Por isso, adapte-se diante dessas mudanças que são imprescindíveis para o mercado e passe a ver os melhores resultados para sua empresa a partir do mobile commerce.

Texto originalmente desenvolvido pela equipe do blog Business Connection, canal em que você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

18 + oito =